sexta-feira, 6 de março de 2009

Ainda as posições da Igreja

O «caso» conta-se em meia dúzia de linhas. Numa cidade do interior do Brasil, foi descoberta uma criança de 9 anos, abusada pelo padrasto, grávida de gémeos . No hospital os médicos chegaram à conclusão que a criança corria perigo de vida em levar a termo a gravidez de gémeos,devido à sua pouca idade. E fizeram o aborto. Pois o bispo lá da região decidiu excomungar a criança e também os médicos que fizeram o aborto,porque tinham faltado ao mandamento ... não matarás . Acabo de ouvir no jornal da Globo que o Vaticano aprova a posição deste bispo . Uma grande maioria da população e a comunidade científica aprova a atitude dos médicos e tem enviado várias mensagens de apoio, não só à criança como aos médicos pela decisão tomada. Mas ... numa entrevista ao malfadado bispo, este explica que a excumunhão é irreversível e os excomungados não podem nunca mais tomar qualquer sacramento ou fazer parte da igreja. Perguntado acerca de ,qual a atitude da igreja perante o violador (que já era a segunda irmã que violava) esta criatura odiosa disse com as letras todas que o violador não era passível de excomunhão, porque embora tenha praticado um crime, não se comparava com o crime de matar, praticado pela criança e pelos médicos.
Se eu não tivesse ouvido , em directo , não acreditava .
No século XXI esta é a posição oficial da Igreja !! Como é possível ? Não admira que cada vez mais pessoas se afastem da igreja. Isto sem tirar o mérito a alguns padres que são uma pequena minoria e mostram o seu coração aberto para os problemas da humanidade.
Lá como cá, continuamos no reino da hipocrisia de manter a fachada e absolver de facto os crimes mais horrendos.

11 comentários:

pinguim disse...

Eu também li isso e fiquei horrorizado...
Deus deve ter corado de vergonha por ter na terra quem tão mal interprete a sua doutrina.
Que tristeza!!!
Beijinho.

*izil* disse...

Às vezes oiço rir, é ’ma agonia
Queima-me a alma como estranha brasa
Tenho ódio à luz e tenho raiva ao dia
Que me põe n’alma o fogo que m’abrasa!

Tenho sede d’amar a humanidade…
Eu ando embriagada… entontecida…
O roxo de maus lábios é saudade
Duns beijos que me deram n’outra vida!

Ei não gosto do Sol, eu tenho medo
Que me vejam nos olhos o segredo
Que só saber chorar, de ser assim…

Gosto da noite, imensa, triste, preta,
Como esta estranha e doida borboleta
Que eu sinto sempre a voltejar em mim!

Florbela Espanca
bom fim de semana, gostei que saiste da letargia.
abraços
izil

ParadoXos disse...

dse facto, lamentável!!

beijos em ti amiga!

Lou Camille (na vida real Sílvia A.) disse...

O problema está em "dar ouvidos". Se não tivesse tanto poder, não teria posições tão radicais. Entendo também que a Igreja, enquanto instituição, não pode contradizer-se....

[No Evangelho de Mateus, capítulo 18, versículos 15 a 17, Jesus diz:

"Ora, se teu irmão pecar, vai, e repreende-o entre ti e ele só; se te ouvir, terás ganho teu irmão; mas se não te ouvir, leva ainda contigo um ou dois, para que pela boca de duas ou três testemunhas toda palavra seja confirmada. Se recusar ouvi-los, dize-o à igreja; e, se também recusar ouvir a igreja, considera-o como gentio e publicano."]

e sendo assim, não deveria de ser chamada a opinar em questões como a saúde e a justiça.

kameramaninblack disse...

vou citar uma frase de Friedrich Nietzsche:
É vício qualquer forma de antinatureza. A mais viciosa espécie de homens é o padre: ele ensina a antinatureza. Contra o padre não temos razões, temos a casa de correcção.

Pata Negra disse...

Não te preocupes, essa coisa de ex-comunhões não é de Deus, é dos homens! Tenho a certeza que a criança se está borrifando para isso tal como eu!
"Oficial" e "igreja" não combinam a não ser nos corredores de pecado de uma certa Igreja!
Um abraço longe dos altares mas perto do céu

poetaeusou . . . disse...

*
porque és tão deturpado
cristo-homem ?
não te seguem,
mas falam em TEU nome,
,
conchinhas,
,
*

pinguim disse...

Hoje, dia 13 de Março, quero deixar-te um beijinho muito especial de parabéns e desejar que o passes bem com quem tu gostes.
Felicidades!!!!

San'Iago disse...

Q surpresa agradável!
Depois de dar uma olhada neste "cantinho" fico grato e com um sorriso de missão (quase) cumprida nos propósitos do meu blog por ter visitantes assim!
Isto pq este é mais daqueles blogs que é para estar alerta, hei-de passar mais vezes aqui! Tenho muito gosto que seja visitado, num momento nocturno, diurno, whatever... Serás sempre muito bem vinda Nocturna [misteriosa hein] ;)
*

A Besta Bestial disse...

Obrigada pela visita - e pelo link, Nocturna, e és sempre bem vinda, de dia ou de noite :-)

Sobre este assunto, nem me pronunciarei, q é de mau tom escrever impropérios à primeira vez q se entra numa caixa de comentários...

paula barros disse...

O fato é de todo lamentável. Achei tanto a atitude do estrupador, quanto a da Igreja, de uma violência absurda.

Infelizmente esse fato se deu no interior de Pernambuco, estado onde moro. E sentir essa indignação mais próximo ainda, é muito triste.

abraços